Gastos impulsivos: como evitar?

Horas no shopping se tornou um descontrole para você? Cada loja uma sacola nova e todo o o seu dinheiro, controlado com todo suor e dedicação, vai para o ralo? Sabemos que isso não é bom, então, vamos ensinar como parar com esses gastos impulsivos.

Gastos impulsivos fazem parte da realidade de muitos. Em partes, eles não são assim tão ruins. Ainda mais quando você enxerga uma promoção e chega até a economizar uma boa quantia.

Contudo, é perigoso se aumentar a frequência desse tipo de atitude. Quem controla o dinheiro sabe o quão complicado é arcar com as necessidades básicas, gastos extras planejados e, ainda, comprar inesperadas.

Com isso, essas quatro dicas vão ajudar a evitar os gastos impulsivos e até ajudar a torna-lo um aliado para economizar dinheiro.

Leia também: 5 passos para sair das dívidas

Espere 

Por se tratar de um impulso, significa que aquele produto não é uma necessidade. Por isso, espere um tempo antes de compra-lo. Seja algumas horas, dias ou semanas.

Deixar a compra para depois, vai te ajudar a racionalizar melhor sobre ela e assim, você vai descobrir se realmente vale a pena.

Leve o dinheiro contado para o que vai gastar 

Se realizamos gastos impulsivos é porque temos dinheiro conosco. Seja numa quantia a mais ou cartão de crédito.

Evite andar com os dois. Se você está planejando sair para gastar uma certa quantia, leve perto desse valor. Não fique preso ao valor exato, até porque não sabemos dos imprevistos e um dinheiro a mais pode te ajudar a resolve-los.

Entenda suas tentações 

Cada pessoa tem sua própria tentação. Seja uma roupa, um jogo, um livro, cada um tem aquela coisa que liga uma chave de gastos impulsivos. Por isso, entenda isso.

Se você é louco por jogos, é recomendável ficar atento com lojas do seu gosto para diminuir as visitas. Até porque, se entrar, você sabe que vai gastar, mesmo não precisando.

Saber disso também é bom para seu planejamento. Marque em uma agenda ou em uma planilha de gastos aquilo que você determina comprar e siga a primeira dica. Espere até o dia certo, seja quando ele entrar em promoção ou perto de acabar.

Mas planeje e não esqueça. Isso porque, mesmo desejando economizar, não é saudável abandonar por completo aquilo que te dá prazer. No futuro, você pode sentir falta e acabar gastando de primeira.

Faça uma lista

Lista, lista, lista. Planejar é a dica mais importante para evitar seus gastos impulsivos. Por isso, mantenha-se atento ao que você realmente precisa, então faça uma lista das suas necessidades.

Assim, vai ser mais fácil manter o foco para não comprar coisas fora dessa lista.

Leia também: Educação financeira infantil: como ensinar os filhos a economizar

FONTE

Post Relacionados

Deixe uma resposta