Dicas para não cair em golpes na hora de buscar emprego

A situação do Brasil nos últimos anos não está nada fácil. Principalmente para quem está desempregado. Não só pela dificuldade que existe em encontrar um emprego. Mas também pelo fato de ter muita gente se aproveitando desse momento frágil para ganhar ainda mais dinheiro.

Já mostramos aqui oportunidades de trabalhos remotos que podem ajudar como uma renda extra. Porém, muitos ainda buscam aquele emprego que ajude financeiramente de maneira completa. Caso você esteja nessa situação ou conheça alguém assim, é crucial conhecer sobre um perigoso golpe que já gerou mais de quatro mil reclamações no Procon, em São Paulo.

Nesse golpe, o candidato é levado até a agência de emprego. No entanto, para se candidatar, é preciso fazer um curso preparatório, que pode custar entre R$300 e R$2 mil. Na teoria, o candidato, após o curso, estaria apto para ser indicado aos processos de seleção. Mas é aí que a chance de conseguir a vaga acaba.

Isso porque a empresa começa a enrolar, dizendo que vão encaminhar para a área. Porém, nada acontece. Em alguns anos, a empresa acaba sumindo.

Muitos acabam saindo prejudicados, até porque, por estarem em busca de emprego, não possuem dinheiro o suficiente para arcar com o valor do curso. Por isso, ao passar por uma situação assim, denuncie ao Procon.

Tenha em mente que uma agência de emprego não pode prometer contratação. O objetivo dela é encaminhar para oportunidades. Além do fato de ser ilegal vender curso em troca de uma oportunidade que parece venda casada.

Então, é importante estar atento aos serviços oferecidos pelas agências. E também ter cuidados ao se inscrever em site de vagas na internet.

Leia também: Liberdade financeira: 3 sacrifícios que devem ser feitos

Procurando emprego pela internet 

Antes de se cadastrar em sites de vagas pela internet, pesquise sobre a empresa. Veja se ela possui registros de reclamação em sites como o próprio Procon ou no Reclame Aqui.

Ao procurar vagas, desconfie daquelas que oferecem salários fora da média da área. É possível que seja uma oportunidade diferenciada, mas é importante estar atento. Fique atento também com os custos que vão além do cadastro do currículo. E, se tiver que inserir dados do cartão de crédito, acompanhe atentamente sua fatura para ver se não ocorreu alguma cobrança adicional.

Procure não utilizar e-mail pessoal ao se cadastrar. Crie uma conta exclusiva só para receber as vagas. Uma outra dica é colocar o número do celular ao invés do de casa.

Antes de aceitar, leia o contrato com atenção. Por mais que alguns valores chamem mais atenção, é preciso ver se ele virá de maneira justa. Afinal, pode ser oferecido um valor alto, mas no contrato mostra que você vai trabalhar o dobro, não compensando o salário oferecido. Caso aceite, salve o documento para eventuais problemas futuros.

Por mais que já tenhamos mostrado que é possível sim arrecadar um dinheiro extra trabalhando em casa, tome cuidado com ofertas como “trabalhe em casa e ganhe R$10 mil por mês”. É até possível fazer isso acontecer. No entanto, desconfie de vagas que parecem tudo muito fácil em troca de um gasto inicial.

Leia também: Como ganhar dinheiro nos finais de semana

FONTE

Post Relacionados

Deixe uma resposta