Como excluir suas toxinas financeiras?

Na sua vida financeira, o segredo que procuramos é o de economizar. Afinal, não procuramos gastar todo o dinheiro que ganhamos trabalhando, rapidamente, certo? Por isso, vamos falar como eliminar suas toxinas financeiras em menos de uma semana.

Elimine suas dívidas

Ok, sabemos que essa é a vontade de todos. Por isso, é exatamente com elas que vamos começar.

Durante um dia, separe todos os seus boletos e suas dívidas que devem ser pagas. Uma maneira de começar é baixando os juros dessas dívidas que você paga. Caso você tenha um financiamento antigo, é possível fazer isso.

Sites como o E-Cred conseguem fornecer outras alternativas de juros para suas dívidas.

O passo agora é descobrir o quanto você devia no começo de tudo. Ou seja, sua dívida inicial. Depois, você descobre qual é a sua dívida atual, e é bem provável que a inicial seja bem menor. Até por causa do juros composto.

Por fim, descubra também a quantia que você está pagando de juros. Assim, junte a maior quantia possível e pague todas à vista. Tente negociar ao máximo.

Leia também: Aprenda como calcular os juros simples e composto

Livre-se dos gastos

Digo isso não para roupas ou hobbies, mas sim para os gastos mínimos. O salgado da padaria, a academia que você não vai, as altas contas caseiras, o desconto não pedido. Toda essas toxinas financeiras podem ser cortadas e beneficiar a sua economia.

Anuidade de cartão de crédito também não deve passar batido. Por isso, escolha bem o banco a se filiar e até negociar, para a dívida não vir muito alta.

Então, faça a mesma coisa que anteriormente. Pegue essas suas pequenas dívidas, analise-as e procure um meio de cortá-las do seu cotidiano.

Exclua os investimentos tóxicos

Por mais que investimento signifique fazer o seu dinheiro render mais, saiba que existem aqueles que não rendem o quanto poderia render. Ou seja, você está deixando de ganhar dinheiro.

Leia também: Como comparar investimentos: liquidez, risco e rentabilidade

Se você tiver Título de Capitalização ou Consórcio não Contemplado, saiba que nenhum dos dois é investimento.

Leia também: 3 passos para fazer o melhor investimento

Tire as pessoas tóxicas da sua vida

No seu dia a dia, é possível perceber aquelas pessoas negativas. Que não acreditam que alguma coisa que você fizer dará certo. Ou que incentivam você fazer compras desnecessárias. Elas são tão ruins quanto as toxinas financeiras.

Sinto muito, mas seu vínculo com elas agora terá que ser o menor possível.

Mas saiba que a pior pessoa tóxica, aquela que pode colocar o seu dinheiro em risco, é você mesma. Então, além de eliminar pessoas tóxicas da sua vida, mude. Não faça coisas por impulso, pense bastante antes de agir.

Leia também: Educação financeira infantil: como ensinar os filhos a economizar

FONTE

Post Relacionados

Deixe uma resposta