Descubra o melhor horário para operar na Bolsa de Valores

No texto de ontem explicamos o que é um trader e qual a sua função na Bolsa de Valores. Hoje, vamos tratar sobre o melhor horário para operar na Bolsa, aquilo que é crucial para os investidores saírem ganhando um bom lucro. Principalmente para quem é day trader ou com posicionamentos mais curtos.

Afinal, será que existe um melhor horário para investir? Bem, não há um exato. No entanto, é possível estudar caso por caso para chegar a uma resposta específica.

Por isso, haverão alguns estudos em diferentes situações. Então, você poderá usar as informações, caso opere o mesmo ativo. Ou utilize as informações para otimizar um horário de negociação em outros casos.

Mas é importante saber antes o que caracteriza o melhor horário na Bolsa. E isso depende. Praticamente toda estratégia procura performar de uma melhor maneira em um tipo de mercado.

Dependendo da estratégia de investimento – que pode ser tanto a favor da tendência quanto contra – existe uma situação de mercado ideal. Nesse caso, o comportamento do mercado vai variar conforme a hora. O que até parece óbvio, mas o que define preço da ação são os investidores.

Quanto maior o volume negociado, maior a força exercida sobre os preços. Porém, esses investidores possuem suas próprias rotinas e regras, que, consequentemente possuem horários definidos. Nesse caso, essas rotinas e regras afetam a hora de negociação.

Por sua vez, o horário também pressiona os investidores. Entenda:

  • Depois da abertura do mercado, há um volume maior negociado. Isso ocorre devido a operações de fechamento e posicionamento por gap (buraco) e stops (ordem de compra e venda) de ganho e perdas disparados devido o novo preço.
  • Ao final do pregão, day traders são obrigados a encerrarem suas posições, com lucro ou prejuízo. Isso resulta em um volume maior negociado.

Melhor horário

Para descobrir o então aguardado melhor horário para operar na Bolsa, há um estudo simples. É importante saber que ele é necessário, não importa sua estratégia. O que vai mudar a lógica da estratégia são as decisões que serão tomadas a partir de um horário. Para o estudo, será preciso uma plataforma gráfica e Excel.

O exemplo a seguir seguirá a linha do ativo Mini Índice Futuro (WIN). Ele é um mini contrato da BM&F que representa o Índice Bovespa (IBOVESPA ou IBOV) em data futura. Porém, ele é negociado em um Livro de Ofertas próprio. Isso permite operações de arbitragem, caso o preço do mini índice fique distante do valor do IBOV e faz com que oscile perto do valor.

Isso significa que fatores que afetam o preço do IBOV possuem efeito direto no do mini índice.

Tanto o WIN quanto o IBOV possuem um horário de negociação semelhante. Que no caso é quando o mini índice começa sua negociação uma hora antes das ações e termina as negociações cinco minutos após o fechamento do mini índice.

Uma sugestão para chegar até um horário digno da sua estratégia é simular. Só assim você criará uma noção do funcionamento do mercado e dos valores envolvidos na Bolsa.

Nesse caso, o melhor horário para operar na bolsa vai variar de acordo com a lógica da estratégia e do ativo negociado. Há generalizações perigosas com grandes chances de estarem erradas, principalmente pela enorme variedade de tipos de estratégias.

FONTE

Post Relacionados

Deixe uma resposta